Significado do 15 de novembro é pouco conhecido

por G.D. News

Para o pesquisador Miguel Ângelo de Azevedo, Nirez, há uma clara tendência da cultura monárquica no Ceará


A Avenida Duque de Caxias e as ruas Floriano Peixoto, Senador Alencar, Guilherme Rocha e General Bizerril são apenas algumas das inúmeras referências na área central de Fortaleza aos personagens que participaram, direta ou indiretamente, da implantação República no Brasil. Sem falar que, em outros bairros da cidade, vias públicas e monumentos também fazem alusão ao regime instaurado em 15 de novembro de 1889, como por exemplo, a Rua Marechal Deodoro, no bairro do Benfica.Contudo, pesquisadores e educadores observam o pouco conhecimento dos moradores da Capital em relação aos acontecimentos que levaram à transição da monarquia para a República. Existe, ainda, quem acredite que, em Fortaleza, há um predomínio de referências ao regime monárquico, representado na denominação de inúmeras vias, tais como a Avenida do Imperador e as ruas Princesa Isabel, Liberato Barroso, Major Facundo e Dona Leopoldina. Para o pesquisador Miguel Ângelo de Azevedo, Nirez, o que predomina mesmo é o desconhecimento da população sobre a história do País e quanto aos eventos políticos que levaram a derrubada da monarquia e a proclamação da República. “Se você fizer uma enquete hoje, as pessoas vão dizer que gostam do feriado, mas poucos irão entender os motivos para isso”, ponderou. Contudo, o pesquisador apontou uma tendência muito clara na cultura cearense ao regime monárquico. “Há uma predileção mesmo. Senão, vejamos, é o Rei da Música, Roberto Carlos; o Rei do Baião, Luis Gonzaga”, disse, lembrando que o País já elegeu várias rainhas do Rádio. Além disso, na cidade, verifica-se essa tendência até no nome de restaurantes. “Temos aqueles que se autodenominam de Rei da picanha ou de o Rei do baião-de-dois e por aí vai”. Sobre o fato de a proclamação da República ter acontecido sem grandes traumas ou derramamento de sangue, Nirez comenta ser essa outra característica do povo brasileiro.
Fonte: Diario do Nordeste

Sobre São José dos Basílios

A equipe de autores deste blog são os(as) pacato(as) cidadãos(ãs) de São José dos Basílios que moraram/moram na cidade, mas que vivem inconformados com os desmandos que ocorrem na sociedade local, temos a pretensão de ser advogados do povo desfavorecido e que oferecem este espaço para informar os leitores locais, maranhenses e brasileiros sobre atualidades locais e regionais, fatos noticiosos que geralmente não são divulgados na grande mídia do clã Sarney.
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s