VEREADORA DERROTADA SE VINGA DE “ELEITORES TRAÍRAS” E MANDA RECOLHER BOMBA DE POÇO

 

Imagem

Morador carrega água para distribuir nos povoados

Ao entrar na região que faz parte do município de São José dos Basílios, é comum ver entre um povoado e outro, uma camionete transportando água para abastecer a região. O motivo seria a ausência de bombas nos 3 poços que abastecem a região. A falta de água atinge com mais intensidade os povoados “Centro do Bóia”, “Ingá”e “Porção” e as Ruas “do Facão de Fora’ e ‘Rua do Cemitério”.
Segundo um comerciante, que mora próximo de um poço que ainda possui uma bomba d’água que abastece os povoados, são mais de uma centena de famílias atingidas pela falta de água potável e que recebem 40 litros d’água por residência, em dias alternados, que são distribuídos em galões levados por uma camioneta contratada pelo prefeito que teve seu candidato derrotado, desapareceu do município deixando o povo entregue á própria sorte.
 
VEREADORA MANDA RECOLHER BOMBA DE POÇO
 

Imagem

 Residencia da ex-vereadora Gilmara
 
O problema da falta de água no Centro do Bóia se agravou em decorrência de uma vingança de uma ex-candidata que se sentiu traída pelos eleitores daquela localidade. Com a derrota para sua reeleição, a vereadora Gilmara teria recolhido as três bombas dos povoados, em retaliação à baixa votação obtida nesses colégios eleitorais, segundo versão dos próprios moradores
à nossa reportagem.
 
Gilmara, que diz ter cavado os poços com recursos próprios e ainda teria comprado as três bombas afirmou: “Os poços são dentro das minhas propriedades, então eu estou dentro do meu direito.”
 
A vereadora disse que a pressão teria vindo dos seus próprios correligionários, que inconformados pelo que eles chamarão de “injustiça”, não eleger a vereadora Gilmara, os moradores deveriam pagar por isso.
 
Segundo o marido da vereadora, o senhor Cesar, algumas bombas já haviam queimadas por várias vezes e todas elas teriam sido arrumadas por ele. “Dois concertos me custaram mais de 5 mil reais e nós ainda cedemos água de um açude que temos dentro da nossa fazenda, para regar as plantações de nossos vizinhos em tempos de seca”, disse Cesar, garantindo que até mesmo quando roubaram uma das bombas foi ele quem comprou outra e colocou novamente no lugar.
 
Apesar do descontentamento, Gilmara e Cesar afirmaram que não tem interesse em prejudicar as famílias, que eles sempre estiveram à disposição da comunidade, mas não pretende mais concorrer a pleitos eleitorais. Disseram-se decepcionados, mas garantiram à nossa reportagem que iriam devolver as três bombas para os poços ainda no mês passado quando ali estivemos.
 
Este tipo de ação em cidades pequenas do Estado, ou até mesmo em povoados – que substitui a responsabilidade do prefeito -, é comum em função da demora em resolver os problemas que deveriam ser essenciais, como a água ou a saúde publica, pois muitos desses gestores municipais, na sua maioria não moram no município e ou raramente são encontrados, fazendo com que moradores de maior poder aquisitivo, sejam obrigados a dividir socialmente
um pouco da sua vantagem, facilitada em função da sua posição econômica
e mesmo sem querer, acabam sendo visto como um substituto do poder publico e naturalmente um líder político, claro tirando quase sempre proveito disso eleitoralmente.
 
O correto seria esses municípios, que através dos seus gestores, não conseguem manter o mínimo de assistência a seus munícipes, terem suas contas radicalmente investigadas, controladas e fiscalizadas pelos órgão competentes, como por exemplo o Ministério Público. (Matéria do Jornal Folha do Maranhão Central, Edição 32, de 25 de dezembro de 2012)
 
Nota do Blog:
 

Imagem

 João da Cruz, um mal gestor impune?
 
O histórico de descaso, incompetência e corrupção em São José dos Basílios  remonta á sua fundação, mas no caso em tela, o grande culpado por tudo isso, além daqueles que vendem o seu voto ou o trocam por migalhas,  é o ex-prefeito João da Cruz que  assim como seus antecessores governou de maneira criminosa aquele sofrido município.
 
Onde estará ele agora? Claro, usufruindo as delícias da impunidade, cuidando do patrimônio que deve ter conseguido nesses quatro anos de mandato. Não estamos fazendo nenhuma acusação absurda, quem o acusa é o MP e a Justiça que chegou a afastá-lo do cargo, infelizmente por força de uma absurda liminar retornando e permanecendo no cargo  praticando suas iniquidades até o dia 31 de dezembro.
 
Será ele agora alcançado pelo braço longo da lei? Vamos torcer que os ventos de mudança e de moralidade pública que estão soprando no país cheguem ao Maranhão e finalmente à São José dos Basílios, um pequeno município encravado entre morros na região central, carente de cidadania, políticas públicas e de políticos que tenham vergonha na cara…

Sobre São José dos Basílios

A equipe de autores deste blog são os(as) pacato(as) cidadãos(ãs) de São José dos Basílios que moraram/moram na cidade, mas que vivem inconformados com os desmandos que ocorrem na sociedade local, temos a pretensão de ser advogados do povo desfavorecido e que oferecem este espaço para informar os leitores locais, maranhenses e brasileiros sobre atualidades locais e regionais, fatos noticiosos que geralmente não são divulgados na grande mídia do clã Sarney.
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para VEREADORA DERROTADA SE VINGA DE “ELEITORES TRAÍRAS” E MANDA RECOLHER BOMBA DE POÇO

  1. anonimo disse:

    e assim mesmo, a perseguição politica dos derrotados, que não se preocupam com as carências do povo, porque não espero que o novo perfeito eleito procurara uma solução para este problema?, se de verdade ela querê ajudar seu povo, poderia muito bem esperar um tempo ate buscar uma solução, mais como na verdade o que ela fez não foi por ajudar de verdade ao povo, se não para garantir sua eleição e não conseguiu, fez isto por represália.
    Igual ao caso do medico, que está sendo muito bem aceito pelo povo, neste poco tempo demostrou ser um bom medico, e não como de maneira cobarde e mentirosa fala a vereadora Antônia, de que e um falso médico e que tem muitas pessoas declarando que não se da bem com os remédios que ele prescreve, quanta mentira esta, todo o contrario a gente fala que esse se e um medico e não como outros que com CRM deixarão muito a desejar, e agora e denunciado porque devido ao poco tempo que leva no brasil ainda conseguiu se regularizar no CRM, coisa burocrática que não se consegue segundo me han falado em pouco tempo, e que ele está tentando fazer, chamo a nosso povo a se manifestar por tão cobarde difamação que está colocando em risco a permanência e a estabilidade do atendimento em nosso hospital, e nos interiores como ele estava desempenando-se. Não fiquemos calados, manifestemos nosso desacordo, e nosso repudio pela atitude cobarde da vereadora Antônia, que preferia atingir à nova gestão do município, e não se preocupo por danar seu povo, ao final de conta ela tem família medica que atende eles quando estão precisando.
    Manifestemo-nos Povo, não fiquemos calados. Falemos de todo o que vai nos prejudicar, falemos de todo o que os políticos fazem contra nossa população. Gilmara e Antônia que Vereadoras tão Ruim.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s